InternetData CenterAssinante

Bombeiros de Santa Catarina são solicitados para ajudar em Brumadinho

Governador assinou ordem de missão e força-tarefa do CBMSC se desloca para área atingida
Bombeiros de Santa Catarina são solicitados para ajudar em Brumadinho
Foto: Comunicação/CBMSC
Por Thiago Hockmüller Em 30/01/2019 às 08:13

Bombeiros militares de Santa Catarina chegam nesta quarta-feira, dia 30, em Brumadinho (MG), para contribuir nas buscas por pessoas desaparecidas após o rompimento de uma barragem da Vale, na última sexta-feira. Até agora, há confirmação de 84 mortos e 276 desaparecidos. Outras 192 pessoas foram resgatadas.

A ida dos bombeiros catarinenses para Brumadinho foi solicitada formalmente pelo Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais. A liberação foi assinada ontem pelo governador de Santa Catarina, Carlos Moisés. No ofício emitido pelos mineiros, foi requisitado o envio de bombeiros especializados em intervenções em áreas deslizadas.

Além deles, também foi enviado para o município um caminhão com ajuda humanitária, três viaturas tracionadas para locais de difícil acesso, seis bombeiros militares especialistas em intervenções em áreas deslizadas, quatro binômios (dupla entre cão de resgate e tutor bombeiro militar) e um veterinário especializado em desastres. Além destes recursos, diversos equipamentos específicos para a atividade vão com a equipe.

Conforme informações do Governo do Estado de Santa Catarina, a previsão de chegada em Brumadinho é para as 16 horas de hoje. Esta equipe vai atuar na área estipulada por oito dias consecutivos, quando um novo grupo do CBMSC deve substituí-la. A alternância persistirá até o término das operações.