InternetData CenterAssinante

Certificado de Responsabilidade Social é conferido a 69 empresas

Além do certificado, algumas das entidades também receberão o Troféu Destaque SC
Por Redação Engeplus Em 17/11/2018 às 18:35

Na última semana foi divulgada a lista das empresas públicas, privadas, mistas e organizações do terceiro setor que receberam o certificado de responsabilidade social em 2018. Promovida pela Assembleia Legislativa (Alesc) desde 2011, a certificação deste ano contempla 69 das 108 empresas inscritas. Além do certificado, algumas das entidades também receberão o Troféu Destaque SC. A cerimônia de premiação está marcada para acontecer no dia 3 de dezembro na Assembleia Legislativa.

A Comissão Mista de Certificação de Responsabilidade Social trabalha em parceria com outras dez instituições com o objetivo de reconhecimento público de empresas e entidades sem fins lucrativos que assumem a responsabilidade social como política de gestão. Um dos pré-requisitos para participação é a comprovação da publicação do balanço social da organização relativo ao ano anterior ao da inscrição.

 “Foram avaliados e observados todos os documentos solicitados no edital. Os critérios para construção de um balanço social, com as informações de maneira clara. As observações foram feitas por vários técnicos de entidades convidadas a participar de uma comissão mista. Então foram vários olhares sobre a análise dos critérios deste edital de 2018”, explicou a coordenadora de certificação de responsabilidade social, Elisângela Schappo.

Para ela, essas empresas acabam se tornando um diferencial porque promovem e deixam registrados todos os programas, projetos e ações de desenvolvimento sustentável. "Um desenvolvimento com responsabilidade social e também ambiental para com o nosso estado. Esse troféu vem a destacar aqueles que participaram do certame da certificação e apresentaram o melhor balanço social, com todos os critérios contemplados, mas que conseguiram ir além daquilo que solicitava o edital. De maneira que deixa bem claro para todos o que elas fizeram pelo estado”, frisou Elisângela.

Leia mais sobre: