navegue nos blocos da capa

Geral

criciúma

Procon multa 40 farmácias por falta de atendimentos prioritários

Órgão fiscalizou 154 farmácias e drogarias entre os dias 23 de fevereiro e 8 de março

20
MAR
2017
| 13h44
13h44
Douglas Saviato
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
arquivo

O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) multou 40 farmácias de Criciúma devido à falta de senhas para atendimentos prioritários aos deficientes, idosos com idade igual ou superior a 60 anos, gestantes, lactantes, pessoas com crianças de colo e obesos. O valor da penalidade não foi definido pelo órgão. Apenas 28 estabelecimentos se adequaram as normas. O órgão entregou auto de constatação para 31 farmácias. Os estabelecimentos não foram fiscalizados no ano de 2015, conforme determinado pelo Ministério Público (MP).

Profissionais do Procon vistoriaram 154 farmácias e drogarias do município no período de 23 de fevereiro a 8 de março. “A importância desta ação foi atender o Ministério Público, mas também fazer uma atualização das farmácias de Criciúma. Muitas fecharam ou mudaram de local. Já foi feito um relatório dessas farmácias. É importante ressaltar que as farmácias são obrigadas a fornecer as senhas prioritárias”, relata o coordenador do Procon, Gilberto Santos.

Dos estabelecimentos listados pelo Procon, 56 não eram farmácias ou encerraram as atividades.

Colaboração: Ana de Mattia / Comunicação Criciúma  

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Nova Veneza ganha nova opção de hospedagemNo aniversário de 10 anos, Sesi Academia oferece descontos e vantagensUm complexo terapêutico que nasce de um leilãoHSJosé ganha nova PraçaCurso traz ensinamentos teóricos e vivências dos chakras Carro incendeia após colisão em muro