navegue nos blocos da capa

Geral

Içara

O asfalto nas orações de Dom Jacinto

Santuário será inaugurado em abril, mas acesso não ficará pronto a tempo

16
FEV
2017
| 20h57
20h57
Denis Luciano
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Denis Luciano

O mais novo "hospital" da região vai precisar de um acesso asfaltado. E o dito "hospital" será entregue em dois meses. Mas não se trata de um lugar para tratar o corpo. “É da alma”, define o bispo Dom Jacinto Inácio Flach, referindo-se ao Santuário Sagrado Coração de Jesus, em construção em Içara.

A obra vai adiantada, mas há uma preocupação externa: o atraso na pavimentação do acesso. “A última promessa era que a obra começaria nesta quarta-feira”, diz o bispo. Mas não começou. O asfaltamento foi prometido há quase um ano, orçado em R$ 5,9 milhões, com recursos do Estado. “Mas entendemos que houve problemas burocráticos”, ameniza Dom Jacinto, repetindo os argumentos dos gestores envolvidos, de que houve questionamentos na Justiça à licitação.

O asfalto cobrirá cinco quilômetros da atual estrada de chão que liga a SC-445, em Içara, ao Morro Estevão, em Criciúma. Os vereadores criciumenses precisaram autorizar, ainda em 2016, que a Prefeitura de Içara ultrapassasse o limite dos municípios para tocar a obra até o fim.

Ordem de serviço
na semana que vem

O secretário de Planejamento e Desenvolvimento Urbano de Içara, Arnaldo Lodetti Júnior, dá boas notícias ao bispo. “Hoje as equipes de topografia estão no trecho. Na segunda-feira, as máquinas vão para a pista e a ordem de serviço será assinada quarta-feira, aqui em Içara, com a visita de autoridades”, informa.

Mas na inauguração do Santuário, em abril, a estrada não estará concluída. “É uma obra para 180 dias. Esperamos concluir os primeiros dois quilômetros, da Vila São José até o Santuário, em 90 dias”, estima o secretário. Assim, quando o Santuário for oficialmente aberto, o trecho estará na base, anterior ao asfalto.

A surpresa do
governador

Quando referiu ao governador, em evento há quase um ano, a necessidade da pavimentação, Dom Jacinto citou um dado que surpreendeu Raimundo Colombo. “Milhões de pessoas vão passar por esse Santuário”, disse. “O governador arregalou os olhos, ficou impressionado, e foi muito atencioso, tanto que em oito dias veio a resposta de que o asfalto seria feito”, lembra. 

O bispo enaltece a importância da obra, e reconhece que seria melhor inaugurar o Santuário já com o asfalto. “E além do mais, é uma obra não apenas para o Santuário ou para os católicos e visitantes. É para todos, pois vai permitir mais um acesso de qualidade entre Criciúma e Içara”, lembra Dom Jacinto.

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Rio Maina celebra Santo Agostinho e Santa MônicaIdosos são retirados de residência em chamas Trabalhador é socorrido após cair de quatro metros de alturaAniversariantes neste dia 18/08Caminhão é recuperado através de rastreamento via satéliteDupla campeã da Copa do Brasil visita o Majestoso