navegue nos blocos da capa

Geral

Ponte

Novas peças chegam e restauração da Hercílio Luz entra na fase final

Barras de olhal são responsáveis pela sustentação do cartão postal de SC

17
JUN
2017
| 16h55
16h55
Redação Engeplus
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Julio Cavalheiro / Secom

Fundamentais na restauração da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis, as barras de olhal chegaram nesta semana ao canteiro de obras da empresa responsável pelos trabalhos. Ao todo, serão 360 destas peças que vão substituir as existentes, responsáveis pela sustentação da ponte. A previsão para o início da substituição das peças é outubro deste ano, com prazo para até 12 meses para a conclusão.

“Com a chegada das barras novas, a gente está dando o início da operação mais importante da recuperação da Ponte Hercílio Luz. A essência de todo o projeto de recuperação, que é a troca das barras de olhal antigas pelas novas. Todas as estruturas que fizemos até hoje foram para tirar a carga da estrutura existente, para que possibilite então trocar as barras”, explicou o fiscal responsável pelas obras de restauração da Ponte Hercílio Luz, Wenceslau Diotalevy.

As peças têm em média 13 metros de comprimento, 750 milímetros de largura, 50 milímetros de espessura e pesam cerca de 1,8 toneladas. Foram fabricadas pela Usiminas, em Minas Gerais, e o custo total de todas as unidades é de R$  47,2 milhões. “As peças foram fabricadas com aço especial, feito de uma liga de ponta, que passou por todas as especificações exigidas pelo projetista”, destacou Wenceslau.

A empresa Empa, do grupo português Teixeira Duarte, é a responsável pelo atual ciclo das obras de restauração. A ordem de serviço para os trabalhos foi assinada em abril de 2016, com prazo de execução previsto em 30 meses, o que aponta a conclusão das obras no segundo semestre de 2018. Quando reaberta, terá duas vias para receber veículos e espaço para ciclistas e pedestres.

Colaboração: Rafael Vieira de Araújo/Secom

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Colcha feita a 'Mil mãos' é arrematada em R$ 9 milSócios-torcedores de Santa Catarina têm promoção especial de cervejaCoach Fabiana Izidoro desenvolve analise comportamental junto ao NTINota de falecimento: Maria de Arlete Machado, de 78 anosPrefeito e promotor divergem sobre venda de terrenosSabrina Parlatore fala sobre câncer de mama em evento gratuito