InternetData CenterAssinante

Feirantes de Urussanga visitam Feira Colonial de Gramado

A viagem serviu de incentivo a novas ideias e para organizar uma Festa Julina para esta sexta-feira
Feirantes de Urussanga visitam Feira Colonial de Gramado
Foto: Divulgação
Por Daiana Carvalho Em 10/07/2014 às 15:12

Os feirantes da Feira Livre Municipal de Urussanga estiveram em Gramado conhecendo uma das mais tradicionais feiras de produtos coloniais da serra gaúcha. A ação foi promovida pela Secretaria de Agricultura de Urussanga, juntamente da Epagri, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Associação dos Criadores de Gado Leiteiro de Urussanga, Secretaria de Saúde, Vigilância Sanitária, além do apoio da Secretaria de Infraestrutura e Educação do município. 

A viagem permitiu buscar novas ideias para inovar a Feira Livre de Urussanga e obter referências para alcançar um equilíbrio entre as exigências e as necessidades dos trabalhadores do local. O passeio serviu de inspiração para a organização da Festa Julina da Feira Livre Municipal de Urussanga, que será realizada nesta sexta-feira, 11 de julho. Um dos pontos que chamou a atenção dos feirantes foi a fabricação de alguns produtos, como os pães caseiros. A estrutura onde a feira está localizada dispõe de espaço para o consumo dos alimentos no próprio local. O atendimento também é diferenciado, já que a feira de produtos orgânicos acontece aos sábados no período da manhã. A feira de cucas e pães é realizada aos sábados até as dez da noite, inclusive aos domingos e feriados.

“Percebemos que na cidade de Gramado, assim como em Urussanga, também há a preocupação com as obrigações legais na produção e comercialização dos produtos”, destacou a secretária de Saúde, Mariângela Dal Bó Lapolli. Os feirantes de Urussanga retornaram satisfeitos com a visita e entusiasmados em discutir novas ideias e experiências trazidas da viagem. Para a feirante de Urussanga, Maria Elisabeth Mazzucco, a Feira de Gramado impressiona pela estrutura física do local, principalmente, os balcões feitos em madeira. “Temos que  trabalhar com o projeto como foi feito para a nossa feira, mas realmente fiquei impressionada com a estrutura deles”, ressaltou.

Colaboração: Karla Ribeiro/Comunicação Urussanga