InternetData CenterAssinante

PC apreende dinamite no Vale

PC apreende dinamite no Vale
Foto: Fotos: Divulgação Central de Polícia
Por Ana Paula Cardoso Em 01/06/2011 às 20:53

A apreensão de uma motocicleta com placas adulteradas terminou no recolhimento de crack, pasta de cocaína e três bananas de dinamite, em Araranguá, no final da tarde desta quarta-feira.

Por volta de 17:00, agentes da Polícia Civil da Inteligência da Central de Polícia de Araranguá, abordaram nas proximidades da favela do Ucca, Andre Américo, 20 anos. Ele pilotava uma motoicleta Honda CG 150 cc, cor cinza, que utilizava as placas adulteradas, pertencente a uma outra motocicleta, de cor vermelha de 125 cc.

Após apreensão da motocicleta, a Polícia Civil foi até a casa de Américo, no Bairro Lagoão, e em um compartimento nos fundos da casa foram apreendidos 1,7kg de crack, incluindo uma pequena porção de pasta base de cocaína e 39g de maconha, além de uma balança de precisão e material utilizado para batizar a droga.

Mas o que surpreendeu os policiais foram as três bananas de dinamite que estavam escondidas no forro da casa. O artefato explosivo estava pronto para ser usado, envolto em fita isolante e com estopim.

André foi autuado pelos crimes de tráfico de drogas, adulteração de sinal identificador de veículo automotor e pela posse de material explosivo, que infringiu o estatuto do desarmamento. Acredita-se que as bananas de dinamites poderiam ser usadas para atentar contra repartições policiais e sua origem será investigada no inquérito policial.


Saiba mais - No final de 2010, Américo foi preso pelos mesmos agentes juntamente com seu cunhado, estava em liberdade fazia 20 dias. Ambos foram condenados por tráfico de drogas, e na sentença prolatada no dia 13 de maio deste ano, André teve a pena privativa de liberdade substituída por duas restritivas de direito, enquanto que o cunhado continua preso.