InternetData CenterAssinante

Despensa Colaborativa: moradora de Içara cria espaço para doar alimentos às famílias carentes

Ação iniciou nessa sexta-feira e acontece no bairro Esplanada
Despensa Colaborativa: moradora de Içara cria espaço para doar alimentos às famílias carentes
Foto: Divulgação
Por Rafaela Custódio Em 04/04/2020 às 09:14

Ajudar o próximo. Foi com esse intuito que Beatriz Vargas, de 33 anos, montou uma Despensa Colaborativa no bairro Esplanada, em Içara. A intenção é doar alimentos às famílias em situação de vulnerabilidade por conta do coronavírus (Covid-19). Qualquer pessoa pode doar os produtos e também receber a doação que está depositada em frente a farmácia Santo Antônio. 

Beatriz conta que trabalha com eventos e por estar de quarentena buscou ajudar de alguma maneira, então criou a ideia pensando nas famílias em situação de vulnerabilidade. “Essa demanda reprimida se libertou com uma colega de profissão de Florianópolis, que está fazendo no Campeche. Desde o início das notícias da pandemia eu sabia que algo deveria ser feito, mas não tinha encontrado maneira para unir tudo: criatividade, doação e distanciamento. A Despensa Colaborativa encaixa nisso”, comenta. 

“O formato dela vai me permitir todos os dias criar algum cenário, dá liberdade e segurança para quem for pegar ou deixar algo. O local é fixo, ao ar livre e sem contato com ninguém. Iniciamos o projeto nessa sexta-feira, dia 3, e fiz as primeiras doações. Agora espero que a sociedade também colabore de alguma maneira”, pontua. 

De acordo com Beatriz, nessa sexta-feira ela já recebeu algumas doações e inclusive em dinheiro. “Com as doações em dinheiro acabei comprando materiais de higiene e limpeza no mercado do bairro, pois também temos que pensar nos empreendedores pequenos. Eu peço diversidade, tudo o que precisamos no dia a dia. Arroz e feijão é super importante, mas desodorante, absorvente também são itens de extrema necessidade e muitas vezes num momento de aperto, deixado de lado. O momento pede colaboração, que reforço ser a palavra do futuro”, finaliza.