InternetData CenterAssinante

Criciumense Henrique Ceconi está entre os dez melhores atletas de jiu-jitsu no ranking da IBJJF

Resultado foi obtido pelo desempenho do atleta na temporada 2020/2021
Criciumense Henrique Ceconi está entre os dez melhores atletas de jiu-jitsu no ranking da IBJJF
Foto: Divulgação
Por Lucas Renan Domingos Em 18/10/2021 às 15:33

Criciúma está representada no ranking dos dez melhores atletas de jiu-jitsu do mundo. A International Brazilian Jiu-Jitsu Federation (IBJJF), principal federação dentro do esporte, divulgou a lista na última semana e o nome do criciumense José Henrique Ceconi Cardoso, de 27 anos, mais conhecido apenas como Henrique Ceconi, apareceu na oitava colocação. A classificação foi embasada no desempenho dos lutadores durante a temporada 2020/2021.

O ranking completo contou com 3 mil concorrentes, todos faixas pretas. Henrique Ceconi conseguiu alcançar a lista mesmo sem disputar o mundial de jiu-jitsu nos Estados Unidos, por contratempos na renovação de seu visto. “O mundial possui um peso maior no ranking, mas todas as competições que consegui participar eu venci. No Sulamericano eu fui campeão da minha categoria, que é peso pesado, e da categoria absoluto, onde participam lutadores de todos os pesos. Acredito que esta performance fez a diferença na minha avaliação”, disse o lutador.

O criciumense pratica o esporte desde os 11 anos de idade. Com 22 anos ele recebeu a faixa preta no esporte e passou a se dedicar profissionalmente. A aparição do seu nome no ranking da IBJJF foi uma coroação do trabalho. “Foi um salto muito importante na minha carreira. Eu estava em 45º na temporada 2019/2020 e agora estou entre os dez. O objetivo é chegar no topo da lista”, projeta.

Henrique Ceconi lembra ainda que o resultado mostra a qualidade do jiu-jitsu brasileiro. “É uma forma de quebrar este paradigma de que para se destacar é preciso sair do Brasil. Eu venho tendo boas performances treinando em Criciúma, onde moro, e disputando com nomes americanos, europeus. Quero subir neste ranking. É um resultado muito grande dentro da luta. Estou muito satisfeito e quero ficar ainda mais sendo o numero um”, finalizou.

Despenhos do do lutador na temporada 2020/2021:

  • Campeão Sul Americano 
  • Terceiro colocado europeu 
  • Campeão dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) 
  • Campeão Paris Internacional Open 
  • Campeão Madrid Internacional Open
  • Campeão Lisboa Internacional Open
  • Campeão Spanish Internacional Open
  • Campeão Rio Internacional Open
  • Vice campeão brasileiro e terceiro colocado no ano seguinte
  • Campeão Sul Brasileiro 
  • Campeão Floripa Internacional Open


Foto: Divulgação