InternetData CenterAssinante

Criciúma soma cerca de 50 ingressos vendidos, mas comemora novas adesões ao quadro social

Diretor de marketing explica motivos da tímida procura por ingressos
Criciúma soma cerca de 50 ingressos vendidos, mas comemora novas adesões ao quadro social
Foto: Thiago Hockmüller/Arquivo Engeplus
Por Thiago Hockmüller Em 15/09/2021 às 14:30

O retorno do público aos estádios em Santa Catarina não empolgou os torcedores carvoeiros. Até o momento, cerca de 50 ingressos foram vendidos pelo Criciúma para a partida desta quarta-feira, dia 15, contra o Hercílio Luz. As duas equipes se enfrentam a partir das 19h30, no estádio Heriberto Hülse, pela primeira rodada da Copa Santa Catarina.

Ao Portal Engeplus, o diretor comercial e de marketing do clube, Vitor Marcelo, explicou os prováveis motivos da baixa adesão. “Muito em virtude de não ter uma grande quantidade de pessoas aptas com a segunda dose. E também o teste acrescido para quem não tem a segunda dose. Conseguimos reduzir os custos através de um parceiro do clube, mas ainda não foi suficiente para que houvesse procura maior”, explica. 

Regra precisa ser cumprida 

Segundo protocolo do Governo do Estado, para acessar o estádio todas as pessoas envolvidas no processo, sejam torcedores, imprensa ou profissionais do clube, devem ter sido vacinados com duas doses ou apresentar laudo de exame RT-qPCR ou Pesquisa de Antígeno com resultado negativo. “O Criciúma não se opõe, mas o teste dificulta pelo momento econômico vivido. Quem não é sócio vai ter que desembolsar cerca de R$ 150 para fazer o teste”, pondera.

Embora a quantidade de ingressos vendidos para a partida seja pequena, o clube comemora a adesão de novos sócios. Ontem foram 35 novas adesões. Atualmente o Criciúma soma 1,2 mil sócios ativos e adimplentes, mas não é possível identificar quantos destes vão estar na arquibancada do Majestoso na noite de hoje. 

“Ficamos felizes no sentido de que o objetivo inicial era fazer que o torcedor entendesse que ser sócio é vantajoso. Não tínhamos um número, uma meta, porque não era esse o objetivo do processo, e sim fazer o torcedor voltar ao estádio”, afirma o diretor comercial e de marketing do Criciúma.

Mesmo que o público seja pequeno, Marcelo pede que os torcedores sigam os protocolos e recomendações sanitárias, sobretudo no uso de máscara, álcool gel, distanciamento, além de permanecer sentado durante o jogo.  

“Temos o plano de contingência que determina os passos a serem cumpridos. Teremos monitores no entorno do estádio orientando a utilização do álcool, distanciamento e máscara cobrindo nariz e boca. Também vamos utilizar a sonorização do estádio para lembrar o torcedor de cumprir o regramento. 

O diretor também lembra que torcedores que realizarem o exame precisam levar o documento impresso, que será retido no clube pelo período de 30 dias, conforme determinado pelo Governo do Estado. Aqueles que ainda vão comprar ingressos, a aquisição somente pode ser feita pela internet, no site do clube ou no site Minha Entrada.

Clique aqui e confira as regras do retorno ao público nos estádios catarinenses.

Leia mais

Ingresso a R$ 50 e torcida sentada no estádio Heriberto Hülse; às regras do duelo pela Copa SC

Na volta da torcida ao Majestoso, Criciúma estreia na Copa SC contra o Hercílio Luz

Opinião: Partida entre Criciúma e Hercílio Luz marca a volta da torcida aos estádios catarinenses

Prefeitura de Criciúma oficializa permissão de público no Heriberto Hülse