InternetData CenterAssinante

Criciúma estreia com empate diante do Hercílio Luz no Catarinense

Tigre empatou em 1 a 1 com o Leão de Tubarão; partida foi disputada no Majestoso
Criciúma estreia com empate diante do Hercílio Luz no Catarinense
Foto: Celso da Luz / Criciúma E.C.
Por Rafaela Custódio Em 24/02/2021 às 23:00

Mesmo motivado com a reconstrução fora de campo, o Criciúma estreou mal no Campeonato Catarinense de 2021. Nesta quarta-feira, dia 24, o Tigre ficou somente no empate em 1 a 1 com o Hercílio Luz que teve um jogador expulso ainda no primeiro tempo. O confronto foi disputado no estádio Heriberto Hülse e os gols da partida foram marcados por Léo pela equipe carvoeira e PH pelo Leão de Tubarão.

Com o empate, o Tigre está em 3º lugar no Campeonato Catarinense com um ponto conquistado. O próximo compromisso da equipe tricolor será no sábado, dia 27, contra o Juventus, longe de casa. Já o Leão de Tubarão enfrenta o Próspera.

Jogo 

O Criciúma iniciou a partida com total domínio da posse de bola e a vantagem logo se concretizou em gol. Aos 6 minutos, o lateral Hélder recebeu pela esquerda e cruzou na medida para o também lateral Léo fazer o primeiro gol da temporada e abrir o placar do jogo. 

Após o gol, o Criciúma buscou novamente o domínio da posse de bola e começou a trocar mais passes no meio campo e arrancando pelas laterais, mas sem muito êxito. A partida, até os 17 minutos, foi muito estudada e de poucas oportunidades. 

A primeira oportunidade do time do Leão foi com PH. O camisa 7 entrou na área pela esquerda e cruzou rasteiro, porém o zagueiro Marcel Scalese conseguiu afastar o perigo. A resposta do Criciúma veio logo em seguida. Mateus Anderson recebeu cruzamento pela direita dentro da área, driblou o goleiro Rafael Roballo, mas perdeu tempo e não conseguiu ampliar o placar, já que a zaga conseguiu afastar o perigo. 

Aos 22, o lateral-direito Léo teve mais uma chance. O volante Eduardo tocou para o defensor, que próximo da área realizou o cruzamento e a bola passou na frente do goleiro adversário que apenas acompanhou a bola que saiu pela linha lateral. 

Hercílio Luz cresce na partida, mas tem jogador expulso 

Após os 30 minutos, o Hercílio Luz buscou mais o ataque e tentou o empate. O Leão de Tubarão chegou pela primeira vez com PH. O atacante subiu pela esquerda, entrou na área e cruzou, todavia o volante Eduardo afastou a bola para a linha de fundo. Luanderson cobrou escanteio, porém a zaga novamente tirou o perigo da área do goleiro Gustavo. 

O Hercílio Luz teve um jogador expulso aos 33. Após jogada de Pedrinho no meio-campo, o atacante Garraty levantou demais o pé e acertou o rosto do atleta carvoeiro. O árbitro da partida o expulsou do confronto. 

Minutos finais 

O Criciúma teve mais uma oportunidade na bola parada com Pedrinho. O camisa 11 cobrou escanteio, porém o ataque do Tigre cabeceou a bola pela linha de fundo. 

O último lance do primeiro tempo saiu dos pés de Pedrinho. O atleta carvoeiro cobrou falta direta pelo lado esquerdo e o goleiro Rafael Roballo fez a defesa, todavia o árbitro da partida assinalou falta de ataque.

Segundo tempo 

O Criciúma voltou para o segundo tempo disposto a ampliar o placar e logo aos 3 minutos, o Tigre quase conseguiu êxito com Pedrinho. O atacante entrou na área pelo lado esquerdo, cruzou a bola, porém a zaga afastou para a linha de fundo. Na cobrança do escanteio, novamente Pedrinho na bola parada colocou a redonda dentro da área do goleiro Rafael Roballo, porém a defesa tirou o perigo.  

Logo depois, o Criciúma voltou a assustar o Leão do Sul. O goleiro Rafael Roballo acabou errando a saída de bola e o Tigre conseguiu recuperar a bola que sobrou para Pedrinho. Ele tirou a marcação e chutou, mas a redonda saiu pela linha de fundo. 

Partida disputada 

O atacante PH arrancou pela esquerda, entrou na área e chutou no gol, a bola desviou no zagueiro Alemão e quase enganou o goleiro Gustavo, porém a redonda saiu pela linha de fundo. 

O técnico Hemerson Maria realizou duas substituições aos 17. Deixaram o gramado o lateral-direito Léo e o atacante Pedrinho e entraram Emanuel e Vinicius Tsumita, respectivamente. 

O Tigre teve mais uma oportunidade nos pés de Gabriel Silva. O goleiro Rafael Roballo errou novamente a saída de bola e o ataque do Criciúma recuperou a pelota, que sobrou para o camisa 10 da equipe carvoeira e com a trave aberta, todavia ele demorou para chutar e a zaga conseguiu se recuperar e a bola saiu pela linha de fundo. 

Aos 24, o Criciúma arrancou pelo lado direito e Mateus Anderson recebeu em profundidade, se aproximou da área e arriscou o chute de perna esquerda, mas a bola subiu e saiu pela linha de fundo. Logo em seguida, Hélder entrou na área e tocou para Mateus Anderson que chutou rasteiro, porém a bola saiu pela linha de fundo. 

Quem não faz, leva 

O Criciúma teve muitas oportunidades no segundo tempo, porém quem marcou foi o Hercílio Luz, aos 30. Após saída de bola do Tigre, Uilliam Barros errou o tempo de bola e entregou a redonda nos pés do PH que entrou na área, tirou a marcação, chutou de perna esquerda e empatou o confronto. 

O comandante do Tigre fez mais duas substituições aos 34. Saíram Gabriel Silva e Eduardo. Entraram no confronto João Carlos e Marcus Índio, respectivamente. Após as mudanças do técnico Hemerson Maria, o Tigre ainda buscou o gol com Mateus Anderson, porém sem êxito.

Ficha técnica - Criciúma 1 x 1 Hercílio Luz  - 1ª rodada do Campeonato Catarinense 

Data/Hora: quarta-feira, dia 24 de fevereiro, às 21 horas

Local: Heriberto Hülse, Criciúma 

Arbitragem: Fernando Henrique de Medeiros apitou o confronto. Ele foi auxiliado por Alexandre Bittencourt e André Eduardo da Silveira. 

Gols: Léo (6’1’T) (Cri) e PH (30’2’T) (Hec)

Cartões amarelo: Léo (9’2’T), Gabriel (29’2’T), Tsumita (28’2’T) (Cri); PH (30’2’T), Rafael Roballo (41’2’T), Rodolfo (35’2’T) (Her)

Cartões vermelho: Garraty (33’1’T) (Her)

Criciúma: Gustavo; Léo (Emanuel), Alemão, Marcel Scalesse e Hélder; Eduardo (Marcus Índio), Moacir e Gabriel Silva (João Carlos); Mateus Anderson, Pedrinho (Vinicius Tsumita) e Uillian Barros. 

 Técnico: Hemerson Maria 

Hercílio Luz 

Rafael Roballo; Carlos Eduardo, Negretti, Rodolfo e Boré (Levi); Jhonata (Rafael Rosa), Luanderson, Renato Henrique, PH (Hyago), Garraty e Wellington (Cesinha).

Técnico: Marcelo Caranhato