InternetData CenterAssinante

Criciúma empata com Botafogo e adia classificação na Série C

Equipes se enfrentaram na noite deste sábado, dia 11, no estádio Heriberto Hülse
Criciúma empata com Botafogo e adia classificação na Série C
Foto: Celso da Luz/Criciúma EC
Por Thiago Hockmüller Em 11/09/2021 às 21:00

Não foi nesta rodada que o Criciúma obteve a classificação para a segunda fase da Série C. Precisando vencer para carimbar a vaga, o time de Paulo Baier até teve chances para superar o Botafogo (SP) de Argel Fuchs, mas parou em atuação iluminada do goleiro Caio e empatou sem gols na noite deste sábado, dia 11, em partida disputada no estádio Heriberto Hülse.

Na próxima rodada o Tigre enfrenta o Mirassol, também no Majestoso. A partida acontece no sábado, dia 18, às 17 horas. Se vencer, avança. Em caso de empate, terá que torcer por tropeço do Figueirense contra o mesmo Botafogo. As equipes duelam no sábado, às 21 horas, no interior de São Paulo.


Faltou criatividade para as duas equipes na noite de hoje. (foto: Celso da Luz/Criciúma EC)

Pouca efetividade

Um jogo truncado e com poucas finalizações. Assim dá para resumir o primeiro tempo entre Criciúma e Botafogo, um duelo decisivo para as duas equipes nesta reta final de primeira fase da Série C. O Criciúma teve mais controle do jogo e até criou as melhores oportunidades, mas faltou pontaria para tirar o zero do placar.

Aos dois minutos, Silvinho tentou pelo alto, mas o goleiro Caio defendeu com tranquilidade. Logo depois foi a vez de Henan. O camisa 9 recebeu pela ponta direita e bateu para o gol. Mas errou o alvo e mandou na rede pelo lado de fora. 

Precisando da vitória para seguir vivo na competição, o time de Argel Fuchs também teve seus momentos na partida. Aos sete, Pará tentou dois cruzamentos em sequência, mas a defesa carvoeira levou a melhor. Aos 21, o experiente Walter fez o pivô e deixou na medida para John Everson, que finalizou firme e obrigou boa defesa de Gustavo.

O Tigre respondeu somente aos 38, com boa chegada de Fellipe Mateus. Ele recebeu passe dentro da área e faria o gol se não fosse a boa intervenção de Caio. O goleiro se atirou em direção a bola e abafou antes que a finalização do jogador do Criciúma acontecesse. 

Jogo aberto

O segundo tempo teve a mesma trilha do primeiro: poucas chances, falta de precisão e ritmo lento. Aos seis, Silvinho recebeu em velocidade e ficou de frente para o goleiro Caio, que mais uma vez salvou o Botafogo. O camisa 12 levou a pior na dividida e ficou caído no gramado. 

O Botafogo ensaiou uma resposta aos 10, com Walter. Em cobrança de lateral, Rodrigo lançou na área, o centroavante desviou de cabeça e quase abriu o placar. Também na bola aérea, o Tigre chegou ao ataque logo na sequência, mas Henan não alcançou a bola e foi substituído por Marcão logo depois.


Ataque do Tigre parou em boa partida do goleiro Caio.

Que chance!

Mesmo que não tenha sido um grande jogo, Criciúma e Botafogo até tiveram chances no decorrer do embate, mas os goleiros Gustavo e Caio estavam em noite inspirada. Aos 21, o Criciúma errou na saída e Walter ficou livre de marcação, mas viu Gustavo crescer na jogada e perdeu a chance. No minuto seguinte, foi a vez de Caio salvar o Botafogo. Helder achou Fellipe Mateus bem posicionado na entrada da área e descolou o passe. O camisa 7 avançou e finalizou, mas parou em grande defesa do goleiro.

Depois vieram as mudanças. Paulo Baier trocou Silvinho e Dudu Figueiredo por Minho e Gabriel Henrique. Já Argel Fuchs tirou Bruno Santos e John Everson por Bruno Michel e Martinelli. Depois saíram Yan Victor e Pará, entraram Fabão e Arthur.

Na reta final da partida, o Tigre seguiu criando chances, mas também parando no goleiro Caio. Aos 35, Marcão ganhou na velocidade e bateu em direção ao gol, mas Caio estava lá para salvar mais uma. Depois Paulo Baier foi para mais duas substituições: deixaram o campo Fellipe Mateus e Alemão, trocados por Luiz Paulo e Eduardo.

Mesmo após oito minutos de acréscimo, as duas equipes não conseguiram levar vantagem no ataque e ficaram no empate. Melhor para o Tigre, já que o Botafogo não possui mais chances matemáticas de classificação. Já o Criciúma é 4° colocado, com 27 pontos.

Ficha técnica para Criciúma 0x0 Botafogo (SP)

Competição: Campeonato Brasileiro da Série C, 16ª rodada.

Data: Sábado, 11 de setembro.

Local: Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma.

Horário: 19 horas

Arbitragem: Felipe da Silva Gonçalves Paludo (RJ) apitou o jogo auxiliado por Thiago Gomes Magalhães (RJ) e Daniel de Oliveira Alves Pereira (RJ).

Cartão amarelo: Henan, Alemão (CRI);

Criciúma: Gustavo; Alemão (Eduardo) Rodrigo, Marcel Scalese e Hélder; Arilson, Dudu Vieira, Fellipe Mateus (Luiz Eduardo) e Dudu Figueiredo (Gabriel Henrique); Henan (Marcão) e Silvinho (Minho).

Técnico: Paulo Baier.

Botafogo (SP): Caio; Rodrigo, Yan Victor (Fabão), Diego Guerra e Pará (Arthur); Caetano, Bolt e Jhon Everson (Martinelli); Ariel, Walter e Bruno Santos (Bruno Michel). 

Técnico: Argel Fuchs