InternetData CenterAssinante

Roberto Cavalo aponta necessidade de sete reforços no Criciúma

Diretoria se comprometeu em anunciar novos atletas ainda nesta semana
Roberto Cavalo aponta necessidade de sete reforços no Criciúma
Foto: Denis Maciel/DGABC
Por Lucas Renan Domingos Em 05/02/2020 às 20:04

A insatisfação com a produção de sua equipe neste início de temporada ficou evidente na coletiva de Roberto Cavalo após a derrota para Santo André pela Copa do Brasil. E a solução para reverter a situação ruim do Criciúma passa pelo departamento de futebol. O técnico não escondeu a necessidade de reforços na equipe e enumerou, no mínimo, sete jogadores para que a equipe possa melhorar.

“Um goleiro, um zagueiro, talvez um volante, um meia, dois atacantes e, pensando bem, um lateral esquerdo também. Precisamos, inclusive de atletas experientes, porque se contar somente com a juventude, em jogos como esse (contra o Santo André) a camisa vai pesar e isso preocupa”, listou o treinador.

Cavalo garantiu que os pedidos já foram feitos para a diretoria, que também se comprometeu em anunciar reforços. O Criciúma volta a campo no próximo domingo, dia 9,pelo Campeonato Catarinense, quando enfrenta o Avaí, na Ressacada. E, se possível for, o técnico já quer contar com novas peças. “Se por acaso tiver algumas contratações rápidas agora e que fortaleça nosso elenco, nós, com certeza, vamos nos classificar entre os oito times do estadual. Tem que chegar (reforço) esta semana”, pontuou.

Zagueiro bem encaminhado

Os pedidos de Roberto Cavalo estão na mão da diretoria, que vem negociando com alguns jogadores. Um reforço que pode chegar é um zagueiro. “As negociações estão bem encaminhadas”, garantiu o superintendente de futebol do Criciúma, Sérgio Lopes, o Serginho. “Vamos trabalhar, amanhã ou depois precisamos trazer três jogadores”, disse Lopes.

Ele também puxou para o departamento de futebol do Tigre a parcela de culpa pelo início ruim de temporada. “Eu não vou fugir da responsabilidade. Eu, junto com o Evandro, também temos culpa nisso. Quando perde, perde todo mundo, quando ganha, ganha todo mundo”, afirmou.

Serginho afirmou ainda que algumas contratações não estão surtindo o resultado esperado. “Algumas peças realmente não estão correspondendo. Mas nós fizemos contratações com base em pesquisas, conversamos com técnicos, olhamos histórico dos jogadores. Tentamos fazer o certo e está dando errado. Vamos buscar novas peças, mas que venham para jogar”, disse o superintendente.

Foguinho

Um dos caminhos para a chegada de reforços no Criciúma é uma negociação envolvendo Foguinho. A atual sensação da equipe carvoeira segue sendo sondado pelo Cruzeiro, que tem grande interesse no atleta. Para que o Tigre libere o jogador, a Raposa ofereceu outros atletas e uma quantia em dinheiro.

“Por enquanto não está certo que ele vai sair do time. O Cruzeiro tem conversado com o Criciúma, mas se vier atleta de lá tem que vir do profissional. Com jogador da base não dá de fazer negócio”, arrematou Serginho.