InternetData CenterAssinante

Criciúma perde para o Operário e chega ao oitavo jogo sem vitória na Série B

Tigre perdeu por 1 a 0 para o Fantasma na noite desta terça-feira, dia 5
Criciúma perde para o Operário e chega ao oitavo jogo sem vitória na Série B
Foto: José Tramontin/OFEC
Por Jessica Rosso e Rafaela Custódio Em 05/11/2019 às 22:33

O Criciúma perdeu para o Operário por 1 a 0 na noite desta terça-feira, dia 5, no estádio Estádio Germano Krüger. A partida foi válida pela 33ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Tigre chegou ao oitavo jogo sem vitória na competição nacional. O gol da partida foi marcado por Maílton aos 47 minutos do segundo tempo. 

Com a derrota de hoje, o Tigre perdeu uma posição e está em 17º e somou 31 pontos no campeonato. Já o Operário está em 7º e conquistou 48. O próximo compromisso da equipe catarinense será diante do Sport, no sábado, dia 9, às 16h30, longe de casa. Já o Fantasma enfrenta o Vila Nova também longe de casa.

Primeiro Tempo

A partida iniciou com o Operário-PR pressionando o Criciúma, tentando furar o bloqueio e mantendo a posse de bola. Aos oito minutos, Derlan cometeu falta em Jean Carlo e recebeu

 o primeiro cartão amarelo do jogo. Maílton é quem cobrou a falta, e bateu para longe do gol do Tigre. Aos 13 minutos, Marlon bateu para o gol, mas a bola subiu demais. Até os 22 minutos, a partida seguiu sem chances de gols. Aos 28 minutos, Marcelo tentou de fora da área, mas chutou por cima do gol.

Aos 38 minutos, o cruzamento de Daniel Costa criou uma chance para o Tigre. Léo Gamalho cabeceou, a bola bateu no travessão, e foi pela linha de fundo. Na sequência o Operário -PR respondeu com Maílton que tentou o passe dentro da área. Marcelo não conseguiu chegar na bola que passou próxima da trave do goleiro Gianezini.

 

Segundo Tempo

A partida iniciou com uma alteração no time do Tigre. A atitude de Roberto Cavalo foi visando reforçar a defesa.

Aos oito minutos, o Criciúma quase abriu o placar. Na finalização deste lance, léo Gamalho chutou, no rebote, e o goleiro fez a defesa. Na sequência Daniel Costa chutou forte de fora da área, levando perigo para o Operário. 

Aos 13 minutos, foi a vez de Felipe Augusto levar perigo para a defesa do Tigre. Ele chutou forte, no travessão. Aos 37 minutos, o meia Rafael Chorão chutou para fora. Nesta segunda etapa da partida o Criciúma deu uma pressionada no Operário. O time da casa porém não se entregou e manteve mais posse de bola. Aos 47 minutos,o lateral Maílton chuta no fundo da rede. Criciúma 0 x 1 Operário.



Final de jogo: Criciúma 0 x 1 OPE

Ficha técnica: Criciúma 0 X 1 OPE- 33ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

Data/Hora: Dia 05 de novembro, terça-feira, às 20h30;

Local: no estádio Germano Krüger

Público: 4.120

Renda: R$  37.755,00

Arbitragem: Rodrigo Batista Raposo apita o jogo. Ele será auxiliado por Lehi Sousa Silva e Leila Naiara Moreira da Cruz. O trio é do Distrito Federal. O quarto árbitro será Leonardo Sígari Zanon, do Paraná.

Cartão amarelo: Derlan (CRI), Jean Mangabeira (CRI), Eduardo (CRI)

Criciúma: Paulo Gianezini; Carlos Eduardo (Adilson Goiano),Sandro,Derlan e Marlon; Liel (Reis), Eduardo, Jean Mangabeira e Daniel Costa, Luquinha (Reinaldo) e Léo Gamalho.

Técnico: Roberto Carvalho 

OPE: Rodrigo Viana; Maílton, Alisson, Rodrigo e Peixoto,Jardel (Rafael Chorão), Índio, Marcelo e  Felipe Augusto (Schumacher); Lucas Batatinha e Jean Carlo (Uilliam).

Técnico: Gerson Gusmão