InternetData CenterAssinante

Criciúma perde a segunda partida na Série B

Em Goiânia, Tigre foi derrotado por 3x1 pelo Atlético Goianiense
Por Heitor Carvalho Em 17/05/2019 às 21:21

Na noite desta sexta-feira, o Criciúma sofreu a segunda derrota na Série B. O Tigre acabou derrotado por 3 a 1 pelo Atlético-GO, no Estádio Antônio Accioly, em Goiânia, em jogo válido pela 4ª rodada. Com o resultado, o Tigre segue sem vencer na competição, em quatro jogos, são dois empates e duas derrotas, com 12 pontos já disputados, o Tricolor soma apenas dois pontos e está na 17º posição, a primeira dentro da zona de rebaixamento.

O próximo compromisso do Criciúma é em casa, terça-feira, dia 21, às 19h15, contra a equipe do Guarani, no Estádio Heriberto Hülse.

Primeiro tempo

Os donos da casa vieram decididos a fazer o resultado, logo aos 3 minutos, Matheuzinho arriscou de fora da área, exigindo uma boa defesa de Gianezini. O Criciúma não conseguia sair jogando, tinha dificuldade na troca de passes, e o gramado também não colaborava. Apesar da forte marcação do Tigre, que às vezes até exagerava na força, o Atlético-GO não teve problemas para arriscar de fora da área e se aproximar da meta Tricolor.

O Tigre foi dar seu primeiro chute a gol aos 24 minutos, com Eduardo, mas a bola passou longe da meta. No final da primeira etapa, aos 41 minutos, após boa jogada, Mike tocou para Pedro Raul, que dentro da área cercado por marcadores, girou e estufou as redes do goleiro Gianezini, que até então vinha salvando o Criciúma. Méritos para o Atlético-GO que procurou o jogo a todo minuto.

Ataque inofensivo

Mesmo jogando com três atacantes, o Criciúma não levou perigo ao gol defendido por Kozlinski. Andrew foi quem mais procurou o jogo. Vinicius também deu as caras. Mas Lúcio Flávio, passou batido na primeira etapa, bem por isso não voltou para o segundo tempo.

Segundo tempo

Mesmo a frente do placar, o time goiano não tirou o pé do acelerador, a prova disso é o placar final da partida, 3 a 1. O segundo gol veio em cobrança de falta aos 16 minutos, a falta era de longe, mas a barreira abriu, assim a batida firme na bola de Nícola entrou no canto direito do gol Tricolor. Depois das alterações o Tigre até conseguiu um maior volume de jogo, mas nada que assustasse o time da casa. Pelo contrário, o Criciúma se abriu e deu oportunidade para mais um gol adversário. Em um erro Tricolor, Bustamante cruzou rasteiro, o goleiro deixou passar, ninguém afastou o perigo e Mike colocou lá dentro. O gol de honra do Tigre veio com Léo Gamalho, após cruzamento e desvio de Adilson Goiano, o atacante balançou a rede.

Números do Tigre na Série B

Em 12 pontos disputados, o Criciúma conquistou apenas dois. São duas derrotas e dois empates em quatro jogos. O Tigre balançou as redes adversárias duas vezes e foi vazado cinco.

Ficha técnica: Atlético-GO 3 x 1 Criciúma - 4ª rodada, Série B 2019


Data: Sexta-feira, dia 17 de maio;

Horário: 19h15;

Local: Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO);

Arbitragem: Rafael Martins Diniz apita a partida, auxiliado por Luciano Benevides de Sousa e Leila Naiara Moreira. O trio é do Distrito Federal.

Cartão amarelo: Sandro (CRI);

Gols: Pedro Raul, aos 41' do 1ºT , Nicolas, aos 16' do 2ºT e Mike, aos 43' do 2ºT (ACG) Léo Gamalho, aos 45' do 2ºT (CRI);

Atlético-GO
Mauricio Kozlinski; Reginaldo, Lucas Rocha, Gilvan e Nicolas; Moacir, Pedro Bambu e Matheuzinho (Bustamonte); Mike, Pedro Raul (Pedrinho) e Gilsinho (Jarro Pedroso).
Técnico: Wagner Lopes

Criciúma
Paulo Gianezini; Marcos Vinícius, Léo Santos, Sandro e Marlon; Adilson Goiano, Wesley e Eduardo (Daniel Costa); Vinicius, Lúcio Flávio (Léo Gamalho) e Andrew (Ceará).
Técnico: Gilson Kleina