InternetData CenterAssinante

Criciúma encerra jejum, vence o Londrina por 2 a 0 e segue vivo para fugir do rebaixamento

Léo Gamalho e Andrew marcaram para o tricolor carvoeiro e deram a vitória ao Tigre
Criciúma encerra jejum, vence o Londrina por 2 a 0 e segue vivo para fugir do rebaixamento
Foto: Rafaela Custódio/Portal Engeplus
Por Lucas Renan Domingos Em 12/11/2019 às 22:11

Depois de nove jogos sem vencer, o Criciúma voltou a marcar três pontos na Série B do Campeonato Brasileiro. Em confronto direto com o Londrina na briga pela fuga do rebaixamento, o Tigre se deu melhor e garantiu a vitória pelo placar de 2 a 0. O resultado, somado a vitória do Figueirense contra a Ponte Preta em Campinas (SP), deixou o tricolor carvoeiro a quatro pontos do primeiro adversário fora da Z-4, o próprio Figueira. Mesmo assim, matematicamente, o Criciúma segue vivo na disputa para fugir da queda para a Série C.  

O Criciúma agora terá um jogo difícil pela frente. Na próxima sexta-feira, dia 15, a equipe criciumense vai até Bragança Paulista, enfrentar o Bragantino, que já garantiu o acesso e é o atual líder do Campeonato Brasileiro da Série B. O Londrina recebe o Botafogo-SP em casa, no sábado, dia 16. 

Tigre saiu na frente no início do primeiro tempo

Precisando da vitória o Criciúma foi para cima do adversário e deu a possibiliadade do primeiro contra-ataque do Londrina, aos quatro minutos. Luidy avançou pelo lado esquerdo, deixou para Felipe Vieira que cruzou por baixo para Matheus Bianchi. Ele dividiu com Derlan, caiu na área, mas Anderson Daronco nada assinalou. 

Na primeira grande chance do Tigre, aos dez minutos do primeiro tempo, Léo Gamalho balançou a rede. Daniel Costa lançou Andrew que escorou de peito para o camisa 99 do tricolor. Ao melhor estilo centroavante, ele girou na entrada da área e disparou no canto direito do goleiro César, abrindo o placar, 1 a 0. 

Com o gol, o Criciúma se animou na partida. Eduardo roubou a bola na saída do Londrina e disparou. Forte, mas para fora. Atrás do placar e também tentando fugir do rebaixamento, o time paranaense ficou mais ofensivo. Com 22 minutos, Luidy, na velocidade, invadiu a área do Tigre pelo lado esquerdom tentou cruzar rasteiro, mas Gianezini caiu e espalmou de forma atrapalhada. A zaga tricolor afastou o perigo. 

Uma jogada rápida rendeu uma excelente chance ao Tigre. Em bela troca de passes, aos 40 minutos, Daniel Costa ia chegando na grande área e foi puxado por Matheus Neris. O árbitro viu e marcou a falta. O próprio camisa dez do Criciúma foi para a cobrança, pegou bem na bola e mandou no travessão do gol do Tubarão. Foi o último lance de perigo no primeiro tempo. 

Criciúma continuou melhor

Melhor no primeiro tempo, o Tigre voltou do intervalo tendo a primeira melhor oportunidade do segundo tempo, aos quatro minutos. Léo Gamalho roubou a bola e tocou para Foguinho que invadiu a grande área. Ele rolou para trás para Daniel Costa entrando na área. O meio-campo do Tigre ainda tentou tirar do marcador e foi desarmado, perdendo ótima oportunidade de gol. 

O tricolor tentava ampliar o placar. Aos nove minutos, Daniel Costa e Marlon tabelaram bem pelo lado esquerdo do ataque. O lateral cruzou rasteira para Foguinho finalizar desiquilibrado e andar para fora e com perigo. 

O segundo tempo ficou morno. Apesar das fortes divididas, ambos os times tinham dificuldades para chegar com perigo. Aos 30 minutos o Criciúma voltou a levantar a torcida. Wesley abriu para Léo Gamalho que limpou e tentou disparar, mas foi travado pela zaga do Tubarão. 

Tricolor conseguiu ampliar o resultado

Aos 35 minutos, o Tigre conseguiu ampliar. Reinaldo encontrou ótimo lançamento para Foguinho. O volante dominou dentro da área esperou a chegada de Andrew e tocou. Com categoria, o atacante colocou no canto direito do gol de César para fazer o segundo gol do tricolor, 2 a 0. 

Em situação complicada, o Londrina não desistia de reverter o placar. E só não conseguiu fazer o primeiro por conta de Paulo Gianezini. Aos 42 minutos, Felipe Vieira cobra escanteio, Léo Passos desvia, e Silvio dá um tapa na pequena área para grande defesa de Paulo Gianezini. No rebote, Silvio tenta de novo, e o goleiro fica com a bola.

O Tigre ainda teve uma última chance. Vinícius, cara a cara com César, arriscou o chute de pé esquerdo. Dessa vez foi a vez do goleiro do Londrina fazer grande defesa. 

 

Ficha técnica para Criciúma 2x0 Londrina

Competição: Campeonato Brasileiro da Série B, 35ª rodada

Data: Terça-feira, dia 12 de novembro

Local: Estádio Heriberto Hülse

Horário: 20h30min

Público: 4.502

Renda: R$ 63.150

Arbitragem: Anderson Daronco apitou a partida com o auxílio Lúcio Biersdorf Flor e Michael Stanislau, o trio é do Rio Grande do Sul

Cartões amarelos: Carlos Eduardo e Foguinho (Criciúma), Matheus Neris, Sílvio, Felipe Vieira e Léo Rigo (Londrina)

Gols: Léo Gamalho (10/1ºT) e Andrew (35/2ºT) (Criciúma)

Criciúma: Paulo Gianezini; Carlos Eduardo, Derlan, Thales e Marlon; Eduardo, Wesley, Foguinho (Jean Mangabeira) e Daniel Costa (Reinaldo); Andrew (Vinícius) e Léo Gamalho.

Técnico: Roberto Cavalo

Londrina: César; Silvio, Dirceu, Léo Rigo e Felipe Vieira; Bertotto (Matheus Neris), Pedro Cacho e Matheus Bianqui (João Paulo); Uelber (Júnior Pirambu), Léo Passos e Luidy. 

Técnico: Silvinho

Leia mais sobre: