navegue nos blocos da capa

Esportes

Série B

Tigre mudado para buscar três pontos decisivos

12
SET
2017
| 10h45
10h45
Denis Luciano
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Fernando Ribeiro / Criciúma EC

O Criciúma muda para encarar o Juventude a partir das 21h30min desta terça-feira. Admitindo que o time jogou mal contra o Luverdense, mesmo tendo vencido por 2 a 1, o técnico Luiz Carlos Winck lança mão de alterações para tentar garantir os três pontos em um confronto direto por vaga no G-4 da Série B.

“Posso mudar em todos os setores”, admitiu. “Talvez trazer o Giaretta para a zaga, usar o Márcio Goiano para ter uma saída a mais pelo lado, mexer no meio, entrando o Jocinei com o Dodi e o Jéferson também, mais o Lucão voltando”, relacionou o treinador.

E a receita está dada. “Não adianta só nos defender, precisamos atacar e propor o jogo. Tivemos vários jogadores que estiveram abaixo durante boa parte da partida passada”, comentou Winck. “Pecamos muito, olha o gol que tomamos”, completou.

O Tigre vai a campo com Luiz, Diogo Mateus, Édson Borges, Diego Giaretta e Márcio Goiano, Jonatan Lima, Jocinei, Douglas Moreira e Jéferson, Lucão e Silvinho.

Em sétimo lugar com 34 pontos, o Criciúma está logo atrás do Juventude, sexto com 37, mesma pontuação do Paraná, quinto, e do Ceará, quarto colocado. Se vencer hoje o tricolor seguirá em sétimo, mas com a mesma pontuação dos concorrentes.

Leia mais sobre: tigre, série b
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Lady Bird é um filme que trata de amadurecimento e liberdadeDicas para uma alimentação adequada nesse verãoNações Shopping oferece programação especial de atividades para as fériasUma semana para a inauguração da Penitenciária Feminina Caminhada pela Saúde Mental percorre o centro da cidadeSC-445 ainda sem solução