InternetData CenterAssinante

Tigre marca três em cima do Barroso e respira no Catarinense

Equipe tricolor conquista três pontos e assume a vice-liderança da tabela
Tigre marca três em cima do Barroso e respira no Catarinense
Foto: Foto: Jota Éder/Rádio Eldorado
Por Vanessa Amando Em 02/04/2017 às 12:07

A princípio, o gramado sintético do estádio Camilo Mussi, palco do duelo deste domingo, em Itajaí, causou um pouco de apreensão na equipe tricolor, tendo em vista que o Criciúma não é acostumado com este tipo de gramado. Porém, o que poderia ter sido um problema, inclusive por causa da forte chuva que insistiu em cair na cidade, parece que favoreceu a equipe do Sul. Durante as duas etapas da partida, a bola esteve na maior parte do tempo sob posse tricolor.

Diferente do que foi visto nos últimos jogos, a partida válida pela sexta rodada do returno do Campeonato Catarinense 2017 foi dominada pelo Tigre. O desempenho ruim dos donos da casa favoreceu a superioridade do time carvoeiro em campo e a vitória por 3 a 1. Com o resultado, o Criciúma conquista mais três pontos e respira na competição, assumindo a vice-liderança da tabela, enquanto o Barroso, por sua vez, fica na lanterna, precisando brigar muito para não ser rebaixado da elite do futebol catarinense.

O jogo

Logo no primeiro minuto da etapa inicial, Silvinho e Douglas Moreira fizeram o passe e tentaram o primeiro chute a gol, mas a bola foi para fora. Na sequência, aos cinco minutos, o goleiro Rodolfo passou mais um aperto. Silvinho chutou na direção do goleiro do Barroso, que defendeu, mas espalmou e, no rebote, Caíque também tentou balançar a rede pela primeira vez, mas a bola parou no travessão.

O Tigre continuou pressionando os donos da casa e o primeiro gol veio mesmo aos 15 minutos, com Jheimy; ele ajeitou a bola vinda do cruzamento de Marlon e mandou no fundo da rede. Nos minutos seguintes, mais chutes a gol continuaram sendo do time carvoeiro, até os 46 minutos da prorrogação, com mais uma tentativa de Douglas e defesa de Rodolfo. O goleiro do Barroso teve bastante trabalho no primeiro tempo, enquanto Luiz foi pouco solicitado.

Na volta dos vestiários, jogadas mais mornas por parte das duas equipes. Aos 10 minutos, lance atrapalhado de Van Basty, que quase cabeceou um gol contra a favor do Criciúma. A equipe tricolor continuou pressionando mais do que os donos da casa.

E quem insiste, uma hora consegue! O segundo gol aconteceu aos 22 minutos de bola rolando no segundo tempo e novamente com ele: Jheimy. O atacante recebeu de João Henrique e ajeitou, colocando a redonda no fundo da rede de Rodolfo.

O Barroso conseguiu diminuir aos 25 minutos; em cobrança de falta, Van Basty cabeceou para o gol e marcou o primeiro para o time do Norte. E Van Basty continuou insistindo na área, exigindo mais trabalho do goleiro tricolor neste segundo tempo. Aos 38 minutos, Douglas Moreira ampliou a diferença para o Tigre, marcando o terceiro gol, após cobrança de falta, e fechando o placar em Itajaí.

Ficha técnica: Almirante Barroso 1 X 3 Criciúma

Local: Estádio Camilo Mussi, em Itajaí
Data: Neste domingo, dia 2
Horário: 10 horas
Público: 311 torcedores
Renda: R$ 4 mil
Arbitragem: Cinésio Mendes Júnior, auxiliado por Kleber Lúcio Gil e Neuza Inês Back
Cartões amarelos: Van Basty, Anderson Safira (Barroso); Douglas Moreira, Barreto, Marlon (Criciúma)
Gols: Jheimy, aos 15' do 1ºT, aos 22' do 2ºT e Douglas Moreira, aos 38' do 2ºT (Criciúma); Van Basty, aos 25' do 2ºT (Almirante Barroso)

Almirante Barroso
Rodolfo, Nei, Lucena, Robenval e Eduardo (Bruno Meurer); Fábio Buru, Rosinei (Van Basty), Diogo Dolem, Almir Dias (Pedro Hulk) e Anderson Safira; Schwenck.
Técnico: Renê Marques

Criciúma
Luiz, Diogo Mateus, Raphael Silva, Diego Giaretta, Marlon, Barreto, Douglas Moreira, Ricardinho, Caíque Valdívia, Jheimy (Adalgiso Pitbull), Silvinho (Caio Rangel)
Técnico: Raphael Bahia