navegue nos blocos da capa

Esportes

Tênis

Sucesso garantido e sonho ainda mais alto

Depois de receber o Banana Bowl, o tênis catarinense projeta mais para Criciúma

17
FEV
2017
| 08h55
08h55
Denis Luciano
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Maurício Vieira / Divulgação

Tudo deu certo no 47o Banana Bowl em Criciúma. Tanto que vem mais por aí. Passaram pela Sociedade Recreativa Mampituba, até o último dia 11, atletas da categoria infanto juvenil do tênis mundial de 43 países, movimentando mais de 800 pessoas em Criciúma.

“Deu tudo muito certo, e estamos felizes em poder anunciar que o Banana Bowl terá mais três edições garantidas em Criciúma”, confirma o presidente da Federação Catarinense de Tênis, Alexandre Farias. Assim, o torneio volta a ocorrer no Mampituba em 2018, 2019 e 2020. “Na edição de 2020, a de número 50, será lançado um livro sobre a competição”, comemora Farias.

Criciúma
pode ainda mais

O êxito do Banana Bowl faz o sonho ser mais alto no Mampituba e na Federação. O presidente Farias, que já dirigiu a área de tênis do clube, não esconde o sonho de trazer para Criciúma até uma edição da Copa Davis, a principal competição adulta entre seleções do tênis mundial. “Temos chances”, admite. “O Mampituba é o único clube do Brasil com seis quadras cobertas, pode sim receber torneios ainda maiores que o Banana Bowl”, projeta.

Mas sonhar com a Copa Davis não é alto demais? “Conforme o adversário da Fase Mundial, o Brasil vai jogar em casa. E nós estamos de olho nessa possibilidade, já que Santa Catarina tem uma história no tênis, e temos estrutura física para receber um evento desse porte”, reforça o presidente. Farias lembra que, com a infraestrutura do clube ao dispor, os atletas puderam, ao longo do Banana Bowl, usufruir ainda de natação, musculação, fisioterapia e até serviços de beleza, além de amplo espaço para treinamentos. “Podemos sonhar mais alto ainda”, conclui o dirigente.

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Com a Via Rápida, o isolamento de parte de CriciúmaBrinquedos de parque de diversão começam a ser montados em Criciúma Curso gratuito de dança de salão em Morro da FumaçaAto contra a reforma da previdência e terceirização marcado para esta sextaFCF afasta auxiliar que anulou gol do CriciúmaDomingo é dia de eleições suplementares em Sangão