InternetData CenterAssinante

Roberto Bortolotto é convocado para Seleção Brasileira de Atletismo

Técnico da escolinha de Nova Veneza irá comandar a equipe Gymnasiade
Roberto Bortolotto é convocado para Seleção Brasileira de Atletismo
Foto: Divulgação
Por Redação Em 05/04/2018 às 15:40

O técnico da escolinha de atletismo de Nova Veneza Roberto Bortolotto é convocado para a Seleção Brasileira de Atletismo. Assim como a atleta Larissa da Silva Lúcio, o neoveneziano irá comandar a equipe na Gymnasiade, no campeonato mundial escolar.  A competição será em Marrakech, no Marrocos, de 2 a 9 de maio.

“Estava aguardando a convocação porque Santa Catarina classificou três atletas para esta competição no Marracos e também pela Larissa ser a única campeã no brasileiro. Era um anseio de viajar novamente com a Seleção Brasileira e é fruto de um trabalho desenvolvido no município com o aporte do Departamento Municipal de Esportes e a gestão de Rogério Frigo e Zé tem dado ao esporte amador. Penso que essa será a primeira de muitas viagens que faremos esse ano”, comentou o Bortolotto.

Para o diretor do Departamento Municipal de Esportes (DME), Hériton Sandrini, a convocação é o reflexo do trabalho do técnico. “A convocação veio na hora certa, pela progressão e as condições que foram dadas ao Bortolotto desenvolver o seu trabalho em Nova Veneza. Sinto muito orgulho e satisfação por este meu amigo que o conheço a mais de 30 anos. Ele é um profissional de caráter e muito comprometimento no que faz para o esporte do nosso município, de Santa Catarina, do Brasil e mundial. Nós temos aqui em Nova Veneza uma referência no atletismo, muito bem conceituada e que esta no patamar dos melhores técnicos de atletismo mundiais. O que precisava era valorizar, reconhecer dando condições de trabalho e apoio para que o Roberto pudesse desenvolver o trabalho com qualidade. E não tínhamos dúvida que iríamos atingir resultados elevados no atletismo do município. Nova Veneza dá mais um passo de propagação através do nosso atletismo”, ressaltou o diretor.

Bortolotto começou a carreira de atleta em 1985, quando era aluno do curso de Educação Física da Unesc. Ele foi campeão brasileiro e sul-americano de atletismo (200 e 400 metros), participou do campeonato mundial do Japão e da Espanha e ganhou 27 medalhas nos JASC (Jogos Abertos de Santa Catarina), sendo 22 de ouro.

 

Colaboração: Cris Freitas - Assessora de Comunicação