InternetData CenterAssinante

Jornada Acadêmica de Tecnologia recebe empreendedores para compartilhar experiências

Ricardo Mateus e Daniel Leipnitz compartilharam dicas e detalhes das suas histórias
Jornada Acadêmica de Tecnologia recebe empreendedores para compartilhar experiências
Por Redação Engeplus Em 22/07/2020 às 08:44

Quem acompanhou a segunda noite de Jornada Acadêmica de Tecnologia da Unesc, nesta terça-feira, dia 21, certamente recebeu injeções de ânimos com as palavras e experiências compartilhadas com os convidados Ricardo Mateus, CEO e fundador da Brasil ao Cubo e Daniel Leipnitz, diretor Corporativo e de Relações Humanas da Visto Sistemas e presidente do Conselho Deliberativo da Acate (Associação Catarinense de Tecnologia).

Os dois foram responsáveis por fazer explanações, provocações e responder aos questionamentos dos mais de mil e duzentos acadêmicos, professores e participantes da comunidade externa que acompanharam a noite de evento por meio do canal Unesc TV no Youtube.

Cases impressionantes

Graduado em Engenharia Civil e Engenharia de Produção, Ricardo Mateus contou sua trajetória na criação da Brasil ao Cubo, empresa que se tornou uma Construtech, Startup destinada a transformar processos e gerar valor através de uma construção que utiliza tecnologia ao seu favor. Com a experiência de uma empresa da família, aquilo que deu certo e o que não deu, Ricardo levou o sonho adiante, buscou qualificação e apostou naquilo que acreditava.

A ideia deu certo e o que comprova isso são os números apresentados pelo SEO da empresa. Conforme Ricardo o crescimento em 2019 foi de 1.200% e, em 2020, diante da pandemia mundial o sucesso do negócio foi ainda maior. Isso porque a Brasil ao Cubo trabalha com o conceito de obra que é feita em um local e transportada para seu destino, configurando um tipo de construção rápida, eficaz e tecnológica. “Depois de três anos de experiências, agora em 2020 estamos no tempo certo para o momento caótico que vive a humanidade. Nos mostramos prontos para atender ao que o Brasil precisava, de obras rápidas”, explicou.

Com a necessidade criada por conta da Covid-19 e as experiências bem-sucedidas, a Brasil ao Cubo colocou de pé nada menos que cinco hospitais com estruturas completas e duradouras em 115 dias. O negócio, conforme Ricardo, foi sendo exemplo de sucesso e com o compartilhamento de experiências, sendo levado para diferentes locais antes mesmo da pandemia. “O conceito de fabricar e levar pronto, que iniciou sendo uma proposta para residências, foi se diferenciado e ficando conhecido. No ano passo, por exemplo 13 estados brasileiros receberam obras que saíram prontas de Santa Catarina”, completou orgulhoso.

Conhecimento para a vida

Muito além das suas experiências teóricas frente a grandes organizações, os conferencistas Daniel Leipnitz, diretor Corporativo e de Relações Humanas da Visto Sistemas e presidente do Conselho Deliberativo da Acate (Associação Catarinense de Tecnologia), chamou a atenção também por suas dicas para a vida dos estudantes.

Entre as sugestões deixadas por Daniel aos acadêmicos estiveram questões como a importância da humildade, do trabalho duro e incessante e do valor da parceria entre colegas. “Tenham em mente que se um ajudar ao outro todo mundo cresce. Se esconder, se apontar como concorrente, isso é passado. É claro que existem questões confidenciais e estratégicas, mas no geral as situações precisam servir para todos se ajudarem e crescerem juntos”, destacou.

Ainda na fala de Daniel os espectadores puderam ouvir lições como “aprendam com a vida” e “estudem o que gostam”, assim como “tenham perseverança”. “Na idade de vocês nós geralmente somos agoniados.  Mas digo para vocês que a perseverança sempre fez a diferença. As vezes as coisas não vão acontecer sempre quando a gente quer e como a gente planejou. A gente almeja e sonha, mas isso não está na nossa mão. Nosso papel é perseverar e trabalhar duro, sem se preocupar em aparecer”, completou.

As apresentações completas dos dois convidados da Jornada Acadêmica podem ser acessadas a qualquer tempo no vídeo da transmissão feita pelo canal Unesc TV no Youtube.

Confira aqui o vídeo completo e aprenda com as experiências compartilhadas: