InternetData CenterAssinante

Jovens podem transformar desafios em oportunidades

Estimular competências da atualidade é a busca da Satc
Jovens podem transformar desafios em oportunidades
Foto: Divulgação
Por Redação Em 30/12/2019 às 17:30

A proposta não é só aprender. É fazer algo pela comunidade. Conceitos técnicos e teorias são fundamentais para dar a base, mas a aplicação disso na prática é que instiga os jovens. Saber que o seu trabalho contribuiu com alguém traz novas perspectivas. Foi isso que a turma do curso técnico em Administração da Satc buscou ao realizar o “Garage Sale”. O dinheiro arrecadado na venda de garagem, com a comercialização de livros, roupas, brinquedos e acessórios, foi doado para a Associação Beneficente Nossa Casa.

“O trabalho foi gratificante. Não foi só um projeto, mas um aprendizado que vou levar para a vida”, argumenta a estudante Marina Gomes. Ainda em grupo, a turma coordenada pela professora Sigrid Mota, montou uma cooperativa e decidiu em conjunto onde aplicar os valores arrecadados.

Atuar em equipe, lidar com situações inesperadas, saber se comunicar, liderar e ter ética nas ações. Essas são características não apenas do mercado de trabalho, mas da sociedade. “Essas são as chamadas soft skills, as competências comportamentais que refletem esse jovem que estamos formando na Satc. Ele não pode ficar na sua zona de conforto”, pondera a coordenadora geral do Colégio Satc, Izes Machado Beloli.

As soft skills envolvem os atributos pessoais de cada um. São aptidões mentais, emocionais e sociais que envolvem, não apenas os jovens, mas todas as pessoas. “Percebemos que a juventude traz essa reflexão sobre o mundo, ela quer discutir questões como os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, quer estar engajada em causas e isso é muito importante, porque representa valores que são valiosos para a vida”, destaca Izes.

Além de observar o conhecimento técnico, as empresas também estão de olho em profissionais que tenham fundamentos básicos como ética e aptidão para trabalhar em equipe. Mas outros pontos como a comunicação, liderança e, principalmente, o pensamento positivo, são levados em consideração.

Colaboração: Assessoria de Imprensa da Satc