Educação

Criciúma

Projeto da Unesc é um dos escolhidos pelo Instituto Arte na Escola

Apenas dez passaram na seleção nacional entre os 50 polos nacionais

12
FEV
2018
| 17h51
17h51
Redação Engeplus
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições

Projeto Arte na Escola (Polo Unesc) continua contribuindo com a educação. Nesta quinta-feira (8/2) a professora da Universidade e da rede pública de ensino, Julmara Goulart, aprovou o projeto “Não me interessa (apenas) o que é consagrado como cultura, e sim, aquilo que me pertence” para ser desenvolvido em 2018. A ideia desenvolvida pela professora foi uma das dez escolhidas nos 50 polos do Instituto Arte na Escola distribuídos pelo Brasil.

Segunda a coordenadora geral do Arte na Escola Polo Unesc, Silemar Maria de Medeiros da Silva, o projeto vai possibilitar momentos de reflexão e criação artística aos participantes e contribuir com a educação. “Por meio das relações, heranças, memórias e tradições, vai se criar um novo olhar para o ensino e para o patrimônio local, talvez nacional”, explica. A iniciativa da professora é resultado da parceria entre a Fundação Volkswagen e Instituto.

Ela conta ainda que o acolhimento das escolas para projetos como este é uma motivação a acreditar no sucesso. “A diretora Nerilda Vandir Felisberto abriu espaço na reunião pedagógica da escola Antônio Guglielmi Sobrinho, de içara, para que o projeto fosse apresentado, nesta oportunidade estamos ampliando nossas relações e criando laços importantes com os professores da instituição” afirma.

Ensinado e aprendendo

Julmara é uma das professoras do Arte na Escola Polo Unesc e participa do curso Aprendendo, desenvolvido na Universidade em parceria com o Instituto Arte na Escola. Nele vão ser analisados os resultados obtidos pela professora em sala de aula.

Conheça o Arte na Escola

O Instituto é uma associação civil sem fins lucrativos, que desde 1989, qualifica, incentiva e reconhece o ensino da arte, por meio da formação continuada de professores da Educação Básica Nacional. Ele busca desenvolver nos alunos habilidades perceptivas e incentivar a formação de uma consciência crítica.

Leia mais sobre: criciuma, unesc, arte na escola
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Cortes Mirim e 3ª Idade são eleitas para a 10ª Festa do Colono de TrevisoEspetáculo Gran Circo lota teatro do Parque AmbientalPalestra apresentou o Empretec na ACIVABarão Vermelho e decoração temática da Rússia marcam Comenda ColibriCarros colidem na SC-100, em JaguarunaSábado para tirar dúvidas sobre as Doenças Intestinais