InternetData CenterAssinante

Crianças e adolescentes se divertem na Colônia de Férias do CRAS

Atividades ofertadas pela Afasc seguem até o dia 15 de fevereiro
Crianças e adolescentes se divertem na Colônia de Férias do CRAS
Foto: Jhulian Pereira/Comunicação Afasc
Por Redação Engeplus Em 09/01/2018 às 09:12

As crianças e adolescentes que participam do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), da Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma (Afasc), tiveram uma segunda-feira descontraída no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do bairro Santa Luzia. Para proporcionar momentos de lazer aos usuários, a Afasc, em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social, iniciou uma Colônia de Férias na unidade de assistência social.

Coordenadas por profissionais da Afasc, as atividades beneficiam 95 usuários de seis Cras de Criciúma, além da unidade do bairro Vida Nova. A Colônia de Férias segue até o dia 15 de fevereiro. “Recebemos crianças e adolescentes de 6 a 17 anos. Nosso objetivo é desenvolver suas potencialidades e proporcionar tarefas culturais e de lazer”, explica a coordenadora do SCFV da Afasc, Maria Laurídia da Silva.

Durante a Colônia de Férias, os usuários serão contemplados com oficinas de dança, jiu-jitsu, cidadania, artes e esportes. “Os participantes foram cadastrados em dezembro de 2017. Eles também recebem transporte, já que muitos não frequentam o Cras da Santa Luzia”, comenta a coordenadora. As atividades ocorrem de segunda-feira a sexta-feira, das 9 às 17 horas.

Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos

Em Criciúma, o SCFV atende mais de 560 crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. A iniciativa fortalece as relações comunitárias e familiares, além de promover a troca de experiências entre os usuários. A Afasc utiliza as estruturas dos Cras de Criciúma para beneficiar os participantes com atividades educacionais e recreativas, ofertadas no contraturno escolar.

Pais ou responsáveis de crianças e adolescentes interessados em participar do SCFV devem comparecer, munidos de documentos pessoais e comprovante de residência, em uma das unidades dos Cras de Criciúma para viabilizar o cadastro. As inscrições iniciam no dia 15 de fevereiro.

Colaboração: Jhulian Pereira / Comunicação AFASC