navegue nos blocos da capa

Educação

Criciúma

Brincadeiras e atividades educativas marcam a Colônia de Férias

Mais de 200 crianças compareceram na unidade escolar nesta quarta-feira, dia 3

04
JAN
2018
| 08h11
08h11
Redação Engeplus
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Jhulian Pereira/Comunicação Afasc

O primeiro dia de atividades na Colônia de Férias organizada pela Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma (Afasc), no Centro de Educação Infantil (CEI) Afasc Professor Lapagesse, foi marcado por brincadeiras, práticas pedagógicas, artísticas e culturais. Nessa quarta-feira, dia 3, 230 crianças cadastradas durante o ano letivo de 2017 compareceram na unidade escolar.

Das 6h30 às 18h30, os alunos participaram de atividades com música, brinquedos, contação de histórias, entre outros exercícios. “O dia foi perfeito. Estávamos apreensivos, mas as crianças se adaptaram tranquilamente e todas as atividades estabelecidas foram colocadas em prática”, ressalta a presidente de honra da Afasc, Adriana Salvaro.

Mãe de João Francisco, de 3 anos, a autônoma Maria Cristina acredita que a Colônia de Férias contribui para o desenvolvimento infantil. “Notei que o João sentia a necessidade de brincar e ter um convívio com outras crianças. E a Colônia de Férias proporciona essa convivência”, afirma.

A vice-presidente de honra da Afasc, Robinalva Ferreira, acompanhou o primeiro dia de atividades no CEI Professor Lapagesse. “Aqui, além da realização de atividades lúdico-educativas, as crianças recebem cinco refeições diárias e são acompanhadas por profissionais capacitados. Dessa forma, auxiliamos os pais que trabalham com atividades para seus filhos durante o recesso escolar”, comenta.

A iniciativa segue até o dia 2 de fevereiro e atende estudantes de 32 CEIs da Afasc, além de alunos de Centros de Educação Infantil Municipal (CEIM) da Prefeitura de Criciúma.

“As crianças foram divididas por grupos e a cada semana teremos um tema para trabalhar com elas. Preparamos 22 salas para atendê-las”, destaca a coordenadora do Departamento de Educação Infantil (DEI) da Afasc, Andreza Dagostim Silva.

(Colaboração: Jhulian Pereira / Comunicação Afasc)

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Saer Sul vai receber nova aeronaveCinco praias paradisíacas para visitar no BrasilAberta oficialmente a 10ª Vindima GoetheRecreação inspirada no teatro encanta criançasTrânsito alterado na Avenida CentenárioVindima Goethe começa nesta sexta-feira