navegue nos blocos da capa

Economia

Economia

Microempreendedor individual catarinense é o que mais se preocupa com o Leão

SC é o estado que mais entregou declarações de Imposto de Renda para quem é MEI

16
JUN
2017
| 11h37
11h37
Redação Engeplus
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições

Pelo segundo ano consecutivo, Santa Catarina foi o estado que mais entregou declarações do Imposto de Renda de quem é Microempreendedor Individual (MEI). Entre os negócios cadastrados nesta classificação, 52% realizaram a declaração dentro do prazo, superando o índice de estados como Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo – onde está o maior número de MEIs no Brasil – e até os números gerais do país, que ficaram em 38%.

O resultado, segundo o coordenador regional do Sebrae/SC, Murilo Gelosa, demonstra a consciência e preocupação do empreendedor catarinense que monta um negócio dentro desta categoria. “Quem entregou em dia está quite com a Receita Federal e continua com sua empresa em pleno funcionamento. Por um lado, esse saldo é positivo porque mostra a força de Santa Catarina no empreendedorismo”, destaca.

Por outro lado, Gelosa ressalta que os números ainda são baixos, principalmente quando são levados em consideração os outros estados. Em último lugar, por exemplo, ficou o Amazonas, onde somente 25% dos MEIs entregaram a declaração; São Paulo, já citado, ficou com o saldo de 37%; na região Sul, Paraná surge logo após Santa Catarina, com 50% das declarações de MEIs entregues; já no Rio Grande do Sul, 46% dos microempreendedores entregaram a declaração, deixando o estado em quarto lugar.

“O índice dos que não entregaram é bastante alto no Brasil inteiro e isso só traz prejuízos para quem não entrega. Ainda é possível fazer a declaração, mas a multa pode ser de R$ 25 ou R$ 50, dependendo do tempo que levar para ser entregue. Isso num primeiro momento. Caso não realize esse procedimento até o fim do ano, o empreendedor perde o registro de MEI”, alerta o coordenador.

O procedimento para declaração do Imposto de Renda é simples para quem é MEI, basta preencher um formulário, o que pode ser feito até à mão, e entregá-lo para a Receita Federal. “O não-preenchimento do formulário demonstra apenas duas coisas: ou a pessoa abandonou o empreendimento ou tem muito descaso por ele porque os requisitos exigidos por Lei são mínimos para quem está nesta categoria”, finaliza Gelosa.

Para mais informações ou auxílio no processo de declaração do Imposto de Renda para quem é MEI, o Sebrae/SC está disponível através do telefone (48) 3403.2200.

Colaboração: Vanessa Amando / NB Comunicação

Leia mais sobre: economia
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Coral Show exalta clima natalino no Nações ShoppingPresidente da Câmara de Florianópolis visita o Portal EngeplusAssociação Unidos Contra o Câncer celebra o NatalCER Musical encanta campus da Unesc com canções natalinasCriciúma unida pela magia do NatalPolicia Civil faz incineração de drogas apreendidas