navegue nos blocos da capa

Economia

Florianópolis

Estado toma a frente no caso JBS e Morro Grande

10
OUT
2017
| 17h24
17h24
Denis Luciano
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Antônio Rozeng / Divulgação

A ida de uma comitiva de lideranças do Vale do Araranguá ao governo do Estado nesta terça-feira surtiu ao menos parte do efeito esperado. Secretários empenharam a palavra e já lançaram as primeiras ações de envolvimento efetivo na busca de uma solução para o impacto da perda da unidade da JBS em Morro Grande a partir do próximo dia 31, quando a empresa fechará as portas na cidade.

“Já alinhamos ações, vamos encaminhar saídas e buscar unir forças para minimizar o impacto”, assegurou o secretário da Casa Civil, Nelson Serpa, que no encontro com os prefeitos e demais representantes de 14 municípios da Amesc representou o governador Raimundo Colombo (PSD), que cumpria agenda no Oeste do Estado.

“O governo vai articular com os municípios para tentar manter um empreendimento ali que absorva os empregos e mantenha aquele importante movimento econômico”, sinalizou Serpa, já antecipando o principal objetivo: assegurar que a planta industrial a ser entregue pela JBS ganhe vida com outra empresa. 

Encontro com bons resultados

“Foi uma reunião muito produtiva”, elogiou o prefeito de Morro Grande e presidente da Amesc, Valdionir Rocha (PSD). “Colocamos os nossos objetivos, de garantir envolvimento do Estado, e os secretários colocaram à disposição as secretarias da Fazenda, da Agricultura, a Procuradoria Geral do Estado e outras pastas”, informou Rocha. 

Duas novas reuniões serão realizadas no começo da próxima semana. Na segunda-feira, o encontro no Centro Administrativo em Florianópolis envolverá a estrutura do governo estadual e representantes da região da Amesc. Na terça-feira, a pauta será ampliada com membros da JBS, sindicatos, associações de avicultores, prefeitos, Estado e os investidores interessados em aportar em Morro Grande. “Saímos daqui mais otimistas”, concluiu o prefeito.

(Colaboração: Antônio Rozeng)

Leia mais sobre: jbs, morro grande
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Feira de Ciências da Unesc recebe estudantes de Criciúma e regiãoTem frustração, mas ainda tem luta no TigreRodovias estaduais recebem operação tapa-buracosUma torneira brilha com tecnologia de pontaPedestre morre atropelada na Avenida CentenárioTurminha do Futuro encerra viagens rumo ao mundo do saber em três escolas