InternetData CenterAssinante

Sérgio Zappelini não será mais presidente da Fundação Cultural de Criciúma

Administração municipal comunicou saída por meio de nota oficial
Sérgio Zappelini não será mais presidente da Fundação Cultural de Criciúma
Foto: Arquivo / Engeplus
Por Heitor Carvalho Em 21/11/2018 às 19:45

A partir do dia 6 de janeiro de 2019 a Fundação Cultural de Criciúma (FCC), não será mais presidida por Sergio Zappelini. O comunicado aconteceu por meio de nota oficial divulgada pela Prefeitura de Criciúma no início da noite desta quarta-feira, dia 21. 

Confira a nota oficial íntegra:

Contribuição à cultura

Após quase dois anos à frente da Fundação Cultural de Criciúma, Sérgio Zappelini não será mais o presidente da FCC. Serginho permanece no comando da pasta até o dia 6 de janeiro, quando será celebrado o aniversário de 139 anos do município. O prefeito Clésio Salvaro, e o vice, Ricardo Fabris, agradecem Zappelini pelo empenho e dedicação dispensados ao longo desse tempo em diferentes projetos. Fomentador da cultura estadual, Sérgio Zappelini deixa grande legado na gestão da pasta, como a reinauguração do Centro Cultural Jorge Zanatta, no próximo dia 14 de dezembro, a inauguração do Parque dos Imigrantes e ações em diferentes comunidades de Criciúma.