InternetData CenterAssinante

Produtores de fumo são surpreendidos com queda de granizo e 60% da produção é afetada

Criciúma, Içara, Morro da Fumaça e Jaguaruna tiveram prejuízo com o fenômeno
Produtores de fumo são surpreendidos com queda de granizo e 60% da produção é afetada
Foto: Divulgação
Por Jessica Rosso Em 13/08/2019 às 13:45

A chuva de granizo que atingiu a região Sul de Santa Catarina na noite dessa segunda-feira, dia 13, surpreendeu produtores do campo. O fenômeno afetou 60% das produções de fumo, que está em fase de pleno desenvolvimento da planta. De acordo com o gerente Regional da Epagri/Criciúma Edson Borba Teixeira, o prejuízo ainda está sendo calculado. As áreas mais afetadas estão localizadas nos municípios de Criciúma, Içara, Morro da Fumaça e Jaguaruna. Em torno de 100 a 200 produtores foram prejudicados. 

"Eles já vêm numa constante redução diária em função do custo de produção, dificuldade de mão de obra. O fumo já diminuiu bstante na região nos últimos anos e ainda com esse evento de ontem é prejuízo para o produtor. Fica cada vez mais difícil", afirmou Teixeira.

A chuva de granizo, segundo ele, teve início em Treviso/Siderópolis e depois seguiu em direção à Jaguaruna. A maior concentração do fenômeno ocorreu nas comunidades de Vila Nova Esperança, em Criciúma e Poço Oito, em Içara. "Foram 600 hectares que sofreram uma queda mais forte do granizo, e 400 hectares onde o fenômeno ocorreu mais fraco. Em algumas propriedades, dependendo do tamanho da planta ainda é possível fazer a recuperação, enquanto em outras não, por isso o valor total do prejuízo ainda pode  sofrer alterações.