navegue nos blocos da capa

Cinema

Crítica

O Poderoso Chefinho critica 'adultização' das crianças

12
ABR
2017
| 12h40
12h40
Redação Engeplus
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições

Especial - Willian Bongiolo

É muito bom ver que as produtoras de animações estão se preocupando em também entreter os pais. Algum tempo atrás a maior parte da indústria apenas pensava em atrair as crianças para a sala e os pais acabavam assistindo ao filme junto, mas desinteressados. O Poderoso Chefinho segue a vibe atual de conseguir agradar crianças e adultos.

Um bebê falante que usa terno, gravata e mexe com as novas tecnologias tem que unir forças com seu irmão, uma jovem criança sonhadora, para tentar impedir um vilão de acabar com o amor dos bebês no mundo. É uma premissa deveras extrapoladora, mas consiste em uma grandiosa metáfora com o conflito de gerações.

No mundo atual as crianças estão cada vez mais sendo "adultizadas". Elas aprendem a mexer no celular muito cedo, a usar o computador, tablet e etc. E se isso de certa forma é benéfico pela democratização do conhecimento que essas ferramentas estão nos proporcionando, por outro lado elas estão perdendo a graça da infância. De cair de bicicleta, de se imaginar rodeado por fogo e apenas pisar nos pisos de uma cor, ou mesmo imaginar seu quarto como um imenso castelo.

O filme consegue falar sobre esse tema de forma muito eficaz ao enfocar o bebê de terno fazendo coisas “chatas” de adulto, como ir trabalhar, ter que ficar preocupado com dinheiro e em como conseguirá pagar as contas no final do mês. Todas essas preocupações adultas não devem afetar a criança, e ver um bebê sendo afetados por elas é cômico pela maneira jocosa do filme, mas quando paramos para pensar chega a ser tenebroso.

Por fim, O Poderoso Chefinho além de ser uma excelente análise sobre como nossas crianças estão sendo educadas, é também uma enorme diversão para todas as crianças e um saboroso gatilho para os pais relembrarem suas brincadeiras imaginativas.

Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Em Nova Veneza, Fontana e mais oito personalidades são homenageadosTricolores dão resposta e superam os coloradosCriciúma 2x3 Inter e um baita jogo no HHPMDB elege nova Executiva em CriciúmaCasaPronta é opção para toda a famíliaAs motos nas ruas para saudar o Outubro Rosa