InternetData CenterAssinante

Em 15 dias o PP ganha cara nova

Abraão de Souza na presidência
Em 15 dias o PP ganha cara nova
Foto: Arquivo
Por João Paulo Messer Em 09/07/2019 às 23:59

Abraão presidente do PP

O Partido Progressista em Criciúma deve ser presidido por Abraão de Souza. Está tudo encaminhado. O atual presidente, Itamar da Silva fecha a prestação de contas ainda nesta semana e publica o edital no mural da Câmara, para eleição em 15 dias. A última vez que Itamar e Abraão conversaram foi sexta-feira da semana passada. O foco inicial do “novo PP” deve ser a formação da lista de nomes à Câmara de Vereadores. A eleição para prefeito vem “por gravidade”.

Márcio fora

O ex-prefeito Márcio Búrigo é considerado “ex-progressista”. Os rumores de que ele vai para o PR – ou DEM – estão ficando mais fortes e na última reunião ampliada do partido, quando o senador Esperidião Amin esteve em Criciúma, ele não compareceu, nem deu justificativas. Depois disso aconteceram outras três reuniões às sextas-feiras e destas participou apenas uma vez, assim mesmo sem falar em candidatura. Parece ter isso à reunião porque ela aconteceu na casa do amigo Eno Steiner.

Três razões de Márcio

Aos mais chegados Márcio Búrigo tem dito que tem três razões fortes para ser candidato a deputado estadual no ano que vem. A primeira é que tem dinheiro, a segunda porque tem vontade e a terceira porque tem o apoio da família. O PR ofereceu a ele “campo livre” em todo o Sul do Estado abaixo de Tubarão. Os detalhes da proposta do DEM eu não conheço.

Espólio progressista

Na última vez que Márcio esteve com um amigo de velha data no PP, ouviu o seguinte raciocínio: ficou mais fácil ser candidato a deputado estadual pelo PP. Isso porque a área ficou menos povoada de candidatos e o partido possui uma linha de fiéis, além de ser a sigla com o maior número de prefeitos. Estima-se que qualquer candidato do PP arranca em Criciúma com 6 a 7 mil votos.

Longe do Clésio

Há quem diga que Márcio Búrigo está se afastando do PP porque o partido vem ficando “se ligando” ao prefeito de Clésio Salvaro. Neste caso a referência é direta ao atual presidente da Câmara de Vereadores, Miri Dagostin. Márcio quer distância de Clésio e Miri se mostra muito próximo.

Na muda

Ao contrário do que aparece no noticiário, o ex-deputado federal Jorge Boeira vem na lista preferencial do PP às eleições municipais do ano que vem. Tanto é que o partido encomendou uma pesquisa direta entre ele (Boeira) e Clésio Salvaro. Sem revelar detalhes dos números os progressistas apenas garantem-se animados. Afora a credencial do ex-deputado o PP considera a possibilidade de agregar um chapão que tenha o apoio da ala do PSL liderada por Daniel Freitas e o chamado grupo dos rebeldes simbolizado pelo empresário Gilson Pinheiro.

Tá na lista

Nas internas do PP existe um nome que pode ser buscado pelo PP para ser candidato a prefeito, se depender deste grupo que se reúne às sextas-feiras para falar de política. Trata-se do ex-prefeito e médico Anderlei Antonelli. Estes progressistas, entre eles o atual presidente Itamar e o futuro Abraão já ouviram várias vezes do médico de que “se for preciso”. Entende-se que Antonelli sintoniza com a tese da “nova política”, já que ele é do estilo ponderado.

Novo rumo

O PL, ex-PR, de Jorginho Melo conta como certa a filiação Márcio Búrigo, que foi o último prefeito do PP em Criciúma. O anúncio pode coincidir com os próximos movimentos do PP – eleição da Executiva – embora aparentemente uma coisa nada tenha relacionada à outra. Se entrar no PR Márcio assumiria o papel de construir o partido para 2022, inclusive com o rótulo de coordenador regional. Já para a eleição de 2020 em Criciúma a articulação e aliança ainda deva ser tarefa do atual coordenador, Nícola Martins. Ele é atualmente cargo de confiança de Clésio Salvaro.