InternetData CenterAssinante

162 obras irão compor galeria “Caio Borges” no Novo Paço Municipal de Içara

Galeria que leva o nome do artista, fará parte do complexo Ângelo Lodetti
162 obras irão compor galeria “Caio Borges” no Novo Paço Municipal de Içara
Foto: João Gabriel da Rosa / Prefeitura de Içara
Por Redação Engeplus Em 10/01/2019 às 17:15

Esta semana, o artista içarense Caio Borges oficializou a doação de 162 peças para o Município, junto ao prefeito Murialdo Canto Gastaldon.  A Galeria que leva o seu nome fará parte do complexo do Novo Paço Municipal Ângelo Lodetti.  O artista, que morou quase uma década no Rio de Janeiro, já expôs suas telas e esculturas na Grécia, Rússia e França e em diversas cidades brasileiras.

“A disposição das obras, em galeria, no novo prédio da prefeitura, será feita sob minha supervisão objetivando melhor aproveitamento de espaço e realce das peças, bem como, melhor comunicabilidade artística com os visitantes”, ressaltou o artista.

A ideia da vinda do acervo para a cidade natal do artista surgiu de um diálogo entre Caio e a presidente do Departamento de Fomento a Atividades Inclusivas (FAI) e primeira dama do município, Ceneli de Freitas Gastaldon. "O Caio nos procurou com o desejo de deixar em Içara um pouco da sua história. Abraçamos a proposta e estávamos na busca por um espaço adequado para tal. A Galeria Caio Borges será um espaço de vanguarda da arte içarense", destacou Ceneli.

“A proposta desta inovadora integração entre espaço cultural e prédio público, além de familiarizar os usuários dos serviços públicos com a arte, enquanto parte indissociável da construção humana, facilitará ainda as atividades da rede pública e privada do sistema de ensino do Município, para as aulas de artes”, colocou o prefeito Murialdo Canto Gastaldon.

A estrutura contará com espaços expositivos para o acervo fixo do artista e exposições temporárias, por meio da curadoria da equipe técnica da galeria. Além disso, o Paço Municipal também contará com uma reserva técnica para as obras.

Colaboração: Tânia Giusti / Prefeitura de Içara