InternetData CenterAssinante

Museu Augusto Casagrande recebe exposição de arte sustentável

Peças foram produzidas por acadêmicos da Unibave
Museu Augusto Casagrande recebe exposição de arte sustentável
Por Redação Engeplus Em 03/08/2017 às 15:15

Em parceria com o Centro Universitário Barriga Verde (Unibave), a Fundação Cultural de Criciúma (FCC) disponibilizou no Museu Augusto Casagrande, localizado no bairro Comerciário, a mostra de “Arte Sustentável com Referência Afro-Brasileira”. Produzidos por acadêmicos da Unibave, os trabalhos seguem expostos até o dia 30 de agosto.

Para confeccionar as peças e retratar a cultura africana, os acadêmicos utilizaram materiais recicláveis. “Esses projetos são importantes e fomentam a cultura. Eles também trazem diferentes tipos de arte para o museu”, afirma o coordenador do Museu Augusto Casagrande, Realdo Medeiros.

Museu Augusto Casagrande

Nascido em Treviso, na Itália, Augusto Casagrande foi um dos primeiros imigrantes italianos a pisar em Criciúma, e um dos primeiros moradores a construir a própria casa, localizada no bairro Comerciário. A família Casagrande doou a residência em 1978 à Prefeitura de Criciúma, que se comprometeu a transformá-la em um museu: o Museu Augusto Casagrande.

A inauguração do museu ocorreu em 1980, durante as comemorações do centenário de Criciúma. Hoje a residência abriga móveis, utensílios, roupas, armas, documentos, fotografias, objetos de uso pessoal e doméstico, peças de arte sacra, peças indígenas, além de equipamentos que relembram a mineração.

O Museu Augusto Casagrande atende de segunda-feira a sexta-feira, das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas. Mais informações pelo telefone (48) 3445-8844.

Colaboração: Maria Luiza do Nascimento / Prefeitura Criciúma