Ambiente

Obras

O destino das árvores derrubadas em Criciúma

18
NOV
2017
| 11h12
11h12
Denis Luciano
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Denis Luciano

Foi das maiores a polêmica que agitou Criciúma nas últimas semanas com o corte de mais de cem árvores no Parque Centenário, no entorno do Paço Municipal. No começo do mês, árvores foram postas abaixo para abrir espaço visando a ampliação do estacionamento que, conforme estudos, está restrito para atender à demanda dos funcionários e visitantes da sede da prefeitura. Houve denúncias de ninhos derrubados e pássaros mortos com a ação.

A derrubada foi resultado, também, de um estudo que, capitaneado pela Fundação de Meio Ambiente de Criciúma (Famcri), catalogou 740 árvores no Parque, em um inventário. Na análise, foi possível constatar a condição vital de cada uma. "E apuramos que muitas árvores estavam bastante prejudicadas, algumas até com recomendação de retirada", observa a presidente da Famcri, Anequesselem Fortunato.

Dias depois do inventário, começaram os cortes. As árvores removidas, na grande maioria eucaliptos, foram retiradas e removidas pela Secretaria Municipal de Infraestrutura. "Essas árvores, com a autorização da Famcri, vão ser usadas, a madeira será empregada em obras pela cidade", conta a secretária Kátia Smielevski.

Mas para quem passa por ali ainda observa muitos restos de árvores. São pequenas toras e tocos espalhados pelo gramado. E não há previsão efetiva do início das obras de ampliação do estacionamento, que serão posteriores à reabertura do Paço, marcada para 6 de janeiro. Além de eucaliptos, houve a remoção de palmeiras e coqueiros, mas estas ficarão armazenadas até que sera possível replantá-las no Parque das Nações e no futuro Parque do Imigrante, no Rio Maina, além de outros lugares.

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Doar esmola prejudica quem a recebe'É a primeira vez que assumo uma fria dessa', brinca Celito CardosoVÍDEO: Baixa Terapia comemora sucesso de vendas e anuncia sessão extraEmoção marca evento da Casa GuidoEstudantes do IFSC Criciúma se preparam para competição no CanadáEleições para a Câmara Mirim iniciam a todo vapor