InternetData CenterAssinante

Governador sanciona lei que considera educação atividade essencial

Lei n 18.032 foi aprovada com vetos.
Governador sanciona lei que considera educação atividade essencial
Foto: Freepik
Por Jaqueline Backes Em 08/12/2020 às 20:06

O governador Carlos Moisés da Silva sanciounou na tarde desta terça-feira, 08/12, projeto lei aprovado pelos deputados catarinenses, onde declara a educação como atividade essencial.

No entando, Moisés vetou dois pontos importantes do projeto de lei aprovado pelos deputados, onde determinava o funcionamento das escolas independente da situação de risco para o coronavírus no Estado.

Desta forma, o governo continuará tendo controle sobre decisões de eventuais fechamentos em casos de piora do quadro da doença nas regiões.

O veto gerou reações contrárias logo após a sua divulgação. O deputado Bruno Souza (NOVO), proponente do projeto aprovado na ALESC, usou suas redes sociais para  criticar o veto do governador com a derrubada do artigo que proibia eventuais suspensões.

Em seguida a sua manifestação, o Governo do Estado, reafirmou a garantia de que as escolas poderão reabrir amanhã, mesmo com o veto parcial do projeto de lei e que irá emitir uma nota oficial explicando as decisões tomadas.